Eu, passarinho

Cadê os pássaros?

Numa manhã de setembro de 2012 espalhamos, eu e a artista Eliza Freire, cerca de 150 pássaros de papel em torno do viaduto da Dr. Arnaldo na cidade de São Paulo com o propósito de sensibilizar o olhar do transeunte sobre a cidade.

Deste movimento surgiu a intervenção Eu, passarinho que acabou revoando para outros mais 7 viadutos de São Paulo e para outras cidades do Brasil, Espanha e Portugal.

E nasceu o Desejos Urbanos, um coletivo de poesia urbana, que experimenta a relação entre pessoas e espaços urbanos através do brincar lúdico e da arte.

eu_passarinho_01eu_passarinho_02eu_passarinho_03eu_passarinho_04eu_passarinho_05eu_passarinho_06eu_passarinho_07